Publicidade: ᅠᅠᅠᅠᅠᅠ

Na sua opinião, o que leva alguém a defender uma pessoa que fez/faz algo errado?

+4 votos
perguntado 6 meses atrás em Conselhos por Streaky
E ainda insiste em dizer que essa pessoa é boa e que existem piores, e só por simpatizar, gostar ou mesmo ter amizade, fala que ela se arrependeu (quando evidentemente é mentira), defende as coisas erradas que ela faz e ninguém pode reclamar disso que defende com unhas e dentes.

Falo de uma forma semi-generalizada, sem casos específicos, mas um exemplo seria esse:



Pastores corruptos seriam outro exemplo, há fanático que defende eles com tudo.

2 Respostas

+3 votos
respondido 6 meses atrás por Amy Wong
 
Melhor resposta
Na minha muito modesta opinião, penso que há uma questão cultural tipica da característica colonial que foi implementada na América Latina em geral, e no Brasil em particular...

A profunda desigualdade da nossa sociedade, que foi construída à base de privilégios para os colonizadores e seus parceiros comerciais, corroeu a noção de RESPONSABILIDADE INDIVIDUAL. Certas classes sociais eram notoriamente perseguidas pelas autoridades, o que despertava um sentimento geral de solidarização, por um motivo óbvio: os pobres, os negros, os pardos, os moradores doa subúrbios e todos os indivíduos "indesejáveis", ou seja, a grande maioria,  sentiam-se a perseguidos pelas leis. Criou-se um clima de "sociedade/leis contra os indivíduos". A maioria das pessoas se sente, ainda hoje, perseguida pelas leis... Elas sentem que as leis são injustas.

O criminologista Cesare Lombroso criou, no início do século XX, uma vasta produção "cientifica" baseada em fisiognomia, ou seja, a ideia de que a fisionomia de uma pessoa identifica suas propensões criminosas.... Simplificando, era algo do tipo "quanto pior a aparência, maior a propensão criminosa". As ideias de Lombroso foram aceitas no mundo inteiro à epoca, incluindo o Brasil... E foram incorporadas à cultura geral e ao código penal de muitos e muitos países... Porém, há dois problemas que tornaram as coisas piores por aqui...

1) Na Europa e nos EUA do início do século XX, os preconceitos de Lombroso e suas estatísticas falhas afetavam a minoria da população; aqui, afetavam a imensa maioria.

2) Na Europa os códigos penais foram revistos depois da Segunda Grande Guerra e foram refeitos sob outros princípios; aqui o Código Penal vigente ainda é o de 1940... É claro que muita coisa já mudou, mas muito do "espírito geral" das nossas leis carregaram por muito tempo as ideias de Lombroso e só foram realmente modificadas a partir da Constituição de 1988.
+1 voto
respondido 6 meses atrás por Fernando Palencia
Muito simples, interesses políticos ou em ganhar alguma coisa.
Isso é a coisa mais óbivia do mundo.
Por exemplo, o que faz a esquerda vermelha defender esses bandidos?
É porque os ama? Não, é simplesmente para conseguir votos deles e tentar converter esses seres ao comunismo.
O mesmo tem em relação ao islamismo.
Os comunistas sabem que não tem mais a União Soviética e a China não vai se meter a favor deles, porque a China é um socialismo de mercado e tem acordos comerciais com tudo quanto é país.
Por isso, eles estão se recorrendo aos mulçumanos para dominarem o mundo juntos e depois guerrilham entre eles.
Tudo é interesse político.
A defesa ao errado num passa disso.
Image and video hosting by TinyPic
...